segunda-feira, 27 de março de 2017

lugar

I
lugar, desabitá-lo:
procuro uma palavra para me referir às forças que passam a operar em torno dos objetos quando ninguém mais os toca

II
à noite estou sozinha
sonho com um cavalo azul
e o vento varre meu rosto e minha boca cai em desuso

III
penso em como seria educar uma pessoa com base na ideia de que há coisas que esvoaçam
cortinas, roupas em varais
- as folhas de um caderno aberto sobre a mesa próxima à janela
*
[a página onde leio as palavras que alguém escreveu no momento em que tentava conceber -
em que se sustém a transparência quando ocorre
de a libélula voar?]


Marceli Andresa Becker